O belo é tão útil quanto o útil

O belo é tão útil quanto o útil. Talvez até mais.
(Victor Hugo)