Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

O amor conjugal é, sem dúvida, um amor exclusivista, mas que abarca ao mesmo tempo toda a humanidade. É exclusivista na medida em que cada um se pode unir com toda a intensidade somente a uma pessoa. Mas quando amo verdadeiramente uma só pessoa, o coração torna-se grande e proporciona a faculdade de me dedicar a muitas mais.
(Jutta Burggraf, in O desafio do amor humano)