Há uma beleza própria do que não tem propósito

Há uma beleza própria do que não tem propósito e uma alegria que vem com ela. O toque simples de uma mão na face, um telefonema sem assunto, um passeio sem destino, um poema secreto, um assobio, uma pedra redonda guardada no bolso. Coisas que não servem senão para sorrir e sentir que a vida é ainda cheia de mistérios.

(Nuno Camarneiro, in Debaixo de algum céu)

Só a juventude tem o direito de coroar um artista

Todas as homenagens são deliciosas para um artista, e duplamente doces quando é a juventude que as faz. As folhas de louro morrem quando são apanhadas por mãos idosas. Só a juventude tem o direito de coroar um artista. Esse é o verdadeiro privilégio da juventude, se a juventude o merecer.
(Oscar Wilde, in De Profundis)

Que outra coisa poderia ser eterna?

Pensei que somente a inocência – a primeira ou a conquistada – se reveste realmente de imortalidade. Que outra coisa poderia ser eterna? Porque é ela a beleza interior e, quanto à beleza exterior – aos penteados, aos lenços, aos bigodes… – estamos conversados: pó…
(Paulo Geraldo)

Comportamento moral que enalteça

Não é possível a elegância se por trás de umas formas belas não existir um comportamento moral que enalteça e as integre.
(Miguel-Angel Martí García)

Quando parecem existir todas as condições

Há flores que crescem no esterco. Ou entre duas telhas, com as raízes aconchegadas entre meia dúzia de grãos de terra que o vento arrastou. E talvez sejam mais verdadeiramente belas do que as outras, que alguém colocou num grande jardim e regou abundantemente durante o estio até que se cobrissem de cores e aromas.
Com os homens acontece algo de muito semelhante. Quando parecem existir todas as condições para que um homem se desenvolva harmoniosamente, cheio de virtudes e qualidades, sucede frequentemente que esse homem se torna mole e falso. E que a sua beleza – descobrimos isso mais cedo ou mais tarde – acaba por não passar de aparência.
(Paulo Geraldo)

1 2 4