O interesse apaixonado pelos nossos semelhantes

Ao perdermos o interesse apaixonado pelos nossos semelhantes perdemos a capacidade de sermos felizes.
(A. Montagú)